Descobrir precocemente uma gravidez é fundamental, para que possa tomar as primeiras providencias. Entre elas, estão o acompanhamento médico, mudanças de hábitos alimentares e planejamento do pré-natal.

Isso garante uma gestação mais segura para a mãe, bem como o bem estar e desenvolvimento do feto desde as primeiras semanas de uma gravidez.

A notícia sobre a confirmação de uma gravidez

A confirmação de uma gravidez pode provocar sentimentos e sensações antagônicas de uma mulher para outro. A notícia pode trazer alivio para aquela mulher com dificuldade para engravidar, ou planejou a gestação.

Já outras mulheres, podem ter momentos de muita apreensão e ansiedade com essa confirmação. Entre os motivos estão: gravidez não planejada, problemas financeiros, pai ausente, descuido no uso do anticoncepcional, rompimento do preservativo etc.

O importante é que, a mulher busque apoio nesse momento importante de sua vida. Seja com o conjugue, com familiares, ou mesmo com um profissional da a área da saúde. O médico ou enfermeira obstreta poderá tirar todas as dúvidas e dar as orientação mais assertivas.

As primeiras semanas de uma gravidez

Após a fecundação do óvulo, o corpo começa a se preparar para abrigar pelos próximos nove meses um bebê.

Desde as primeiras semanas, fortes mudanças físicas, orgânicas e hormonais, ocorrem no corpo de uma mulher gestante.

A mulher precisa se acostumar com todas essas mudanças enquanto o feto é desenvolvido em seu útero até o momento do parto.

Como descobrir os principais sintomas de uma gravidez

Quando uma mulher fica grávida, ele começa a experimentar uma série de sintomas que alertam para uma gestação.

Alguns sintomas podem ser percebidos sem o auxilio de um médico, mas deve fazer o acompanhamento durante toda a gestação até o parto.

Entre os principais sintomas que indicam uma possível gravidez estão: Amenorréia, náuseas, fadiga, sonolência, tonturas, dor na pelve, enjoos entre outros.

Atraso Menstrual

O atraso menstrual é um dos sintomas mais comum, que indica que uma mulher está grávida.

Em uma mulher com ciclo menstrual regular, os primeiros sinais que está gestante, começam a surgir normalmente em torno de duas semanas do atraso no ciclo menstrual. Ou seja a menstruação atrasada pode ser um bom indicativo que uma mulher está esperando um filho.

Vale lembrar que, isso pode variar dependendo do ciclo ovulatório irregular de cada mulher.

Inchaço do corpo e das mamas

No inicio muitas mulheres deixam passar despercebido esse sintoma de gravidez, exceto quando começa a sentir as mamas mais sensíveis e doloridas, além da dor os seis ficam maiores.

Náusea e enjoo matinal

A náusea e enjoo, é outro clássico sintoma de gravidez. Ele é decorrente da grande carga de hormônio Beta HCG que a mulher recebe durante os primeiros momentos da gestação.

Esse hormônio tem seu maior pico durante as 10 primeiras semanas. Período esse,  com maior sensação de náusea. Já os enjoos surgem já na segunda semana.

Sonolência, cansaço e fadiga

O hormônio Beta HCG responsável pelo enjoo e náuseas, juntamente com a progesterona,  são responsáveis pela incidência de dor de cabeça.

Outras alterações provocadas no metabolismo, estão relacionadas com a  fadiga, sonolência e cansaço durante todo o dia.

Sangramento vaginal

Os primeiros sintomas de gravidez, já podem surgir entre o sexto dia ao décimo segundo dia após a fecundação do ovulo.

Nesse período, algumas gestantes podem apresentar já nas primeiras semanas, algum sangramento vaginal. Muitas vezes esse pequeno sangramento é confundido com menstruação. Essa confusão ocorre principalmente para aquelas mulheres que apresentam um ciclo irregular.

Dores e incômodos abdominais

Outro sintoma comum nos primeiros dias de gravidez, são as mudanças fisiológicas que o útero sofre. Essas mudanças, prepara o corpo para acolher o feto em todo o seu desenvolvimento gestacional.

Por isso, sentir cólicas nesse período é comum devido as contrações uterinas. Juntamente com essas cólicas, podem ocorrer uma sensação de peso na parte inferior da barriga da gestante.

Maior incidência de dor de cabeça

Entre os hormônios que aumentam a sua dose no corpo da mulher, está o progesterona, quem em muitas gestantes, podem provocar a incidência de dor de cabeça.

Os sintomas de gravidez são diversos, mas eles não afirmam com 100% de certeza que uma mulher está gestante, além dos sintomas acima, também podem haver outros como:

  • Sangramentos irregulares e cólicas
  • Vontade de fazer xixi a toda hora
  • Alterações no paladar ou no olfato
  • Bicos dos seios mais escuros e veias muito aparentes

Teste de gravidez e consulta médica

A confirmação definitiva e sem erros de uma gravidez, somente pode ser feita através de exames solicitados por um médico.

Qualquer outro tipo de testes, como esses vendidos em farmácias podem apresentar falhas.

Há também, casos de gestantes que não apresentam nenhum sintoma aparente de gravidez. Isso somente fica mais claro após o segundo ou terceiro mês. É preciso entender que, cada mulher pode apresentar reações biológicas diferentes.